Deputado Wellington cobra repressão à pistolagem após assassinato de fazendeiro em Joselândia

DANIEL MATOS ” ESTADO “

O deputado estadual Wellington do Curso utilizou as redes sociais para cobrar do Governo do Estado ações, em caráter de urgência, para combater a criminalidade no Maranhão. O parlamentar citou o assassinato do fazendeiro, que ocorreu em Joselândia.

Sobre o caso, o deputado Wellington se solidarizou com os familiares e amigos do idoso e reforçou a solicitação para que o Governo do Estado nomeie mais policiais militares e civis para combater a criminalidade.

“É com tristeza que recebemos a notícia do assassinato de mais um fazendeiro. Solidarizo-me com os familiares e amigos. Que Deus possa confortar seus corações nesse momento de dor. Infelizmente, a bandidagem está ditando as regras no Maranhão. O Maranhão não é terra de pistoleiros e nem de jagunços. É urgente a nomeação de mais policiais militares e civis. Quantos terão que morrer para que o Governo tome as providências. Esse é só mais um retrato do legado que o ex-governador Flávio deixou na segurança pública do Maranhão. Um verdadeiro caos. Prova disso que Cidade de Joselândia não tem delegacia, mataram um fazendeiro e a Polícia Militar ficou sabendo pelas redes sociais”, destacou o deputado Wellington do Curso.

Deixe seu comentário

Hits: 18

VALMIR ARAÚJO