‘Decisão do presidente’, diz Mourão sobre vídeo a favor da ditadura

O presidente interino Hamilton Mourão disse nesta 2ª feira (1º.abr.2019) que é decisão do presidente Jair Bolsonaro a divulgação pelo Palácio do Planalto de  1 vídeo institucional no qual defende o golpe militar de 1964.

“Decisão do presidente. Foi divulgado pelo Planalto, é decisão dele”, disse a jornalistas ao sair de seu gabinete no Palácio do Planalto. No entanto, Mourão disse que não viu o vídeo.

“Uma vez que os países árabes, e palestinos em particular, entendam o alcance dessa decisão, que não muda a nossa visão diplomática em relação a existência e a necessidade que palestinos e israelenses tenham uma coexistência pacifica nessa região conforme desde 1947  o Brasil apoia. A partir do momento que eles entenderem que isso continua, não teremos problema”, disse.

O general também minimizou o fato de a Palestina convocar de volta o embaixador no Brasil. “Chamar o embaixador é uma chamada para consulta, vai lá, bate 1 papo e depois ele volta.”

A AP (Autoridade Palestina) convocou neste domingo (31.dom.2019) seu embaixador no Brasil, Ibrahim Alzeben, para consultas. A medida é uma reação à decisão do Brasil de abrir o escritório em Jerusalém. As informações são do jornal israelense Jerusalem Post.

PODER360

[seguros_promo_shortcode tags=”Decisão, mourão,presidente,ditadura” theme=”card-large” ideal_para=”6″ ideal_para_lbl=”América do Norte” /]

Hits: 2

VALMIR ARAÚJO