Lula reafirma que salário-mínimo terá aumento anual acima da Inflação

Ele só deve compor os ministérios depois da diplomação pelo TSE.

Durante o governo do presidente eleito, Lula, o salário-mínimo vai ter aumento anual, acima da inflação. É o que disse o próprio Lula, nesta sexta-feira, no CCBB, Centro Cultural Banco do Brasil, durante uma conversa com jornalistas.

Ao lado da presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, Lula disse que só deve começar a compor os ministérios, depois que for diplomado pelo TSE, Tribunal Superior Eleitoral, no dia 12 de dezembro. Ele contou que já tem, em mente, 80% dos ministros e que as pastas terão uma diferença em relação ao segundo mandato dele.

Segundo Lula, Gleisi Hoffmann não vai ocupar nenhum ministério, como “reconhecimento do papel que ela tem na organização política do PT no Brasil”. Esta é a segunda vez em que Lula conversa com a imprensa, depois de eleito, porque disse aguardar o relatório final dos Grupos Temáticos da transição, com o levantamento, para dar mais detalhes sobre a futura gestão.

Enquanto a equipe aguarda a votação da PEC da transição, no Congresso, Lula disse que espera a aprovação do texto original, enviado pelo governo de transição.

Durante a conversa, o presidente eleito ainda disse que deve receber, na próxima segunda-feira, o representante do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden. Sobre uma possível visita ao mandatário norte-americano, Lula disse que só poderá ir, após a diplomação. Entre os assuntos que Lula quer conversar com Biden, estão política, democracia, relação entre os dois países, papel do Brasil na geopolítica mundial, guerra na Ucrânia, entre outros.

Na capital federal desde o último domingo, Lula seguiu para São Paulo, após o encontro com jornalistas nesta sexta, para assistir à partida entre Brasil e Camarões, pela Copa do Mundo. Antes de deixar o local, arriscou o placar de 2 a 0 para o Brasil.

Hits: 39

VALMIR ARAÚJO