Igualar militares a regras de outras profissões custará mais, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou neste sábado (27.abr.2019) que igualar as regras previdenciárias dos militares a de outras profissões trará aumento de custos para o país. “Vai aumentar muito mais”, disse.

Bolsonaro deu a declaração ao deixar uma festa na casa do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Walton Alencar Rodrigues, em Brasília. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), também esteve presente.

governo enviou uma reforma para a Previdência dos militares, exatamente 1 mês após enviar a mudança no sistema de aposentadorias para o restante dos trabalhadores. Os deputados chegaram a travar a tramitação da reforma para cobrar celeridade do Planalto para enviar o projeto que afeta também os militares.

Junto com a reforma dos militares, o governo enviou 1 projeto que reestrutura a carreira dos militares, o que reduziu a quase zero o impacto fiscal da reforma. A mudança no sistema de Previdência trará economia de cerca de R$ 90 bilhões em 10 anos, mas a reestruturação trará despesa de R$ cerca de 80 bilhões.

A redução na economia prevista com a reforma foi alvo de críticas por parte dos congressistas.

“Se quiser dar os mesmos direitos aos militares e botar na Previdência, o custo vai aumentar muito mais”, afirmou o presidente da República.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, Bolsonaro disse ainda que não está preocupado com o fato de que generais, almirantes e brigadeiros poderão ter salários maiores que o de capitão –Bolsonaro é capitão reformado do Exército.

“Eu não estou preocupado com isso. Eu não estou preocupado com o meu salário. Eu estou servindo a pátria momentaneamente, tá ok?!”, disse.

Hits: 3

7 thoughts on “Igualar militares a regras de outras profissões custará mais, diz Bolsonaro

  1. Pingback: satta king
  2. Pingback: ruger in stock
  3. Pingback: situs slot
  4. Pingback: diamond painting
  5. Pingback: block screenshots

Comments are closed.

VALMIR ARAÚJO