.
.
Brandão toma posse e diz que educação será a bandeira da gestão e que vai trabalhar no combate à fome Brandão toma posse 

Brandão toma posse e diz que educação será a bandeira da gestão e que vai trabalhar no combate à fome Brandão toma posse 

G1MA:

Carlos Brandão (PSB) tomou posse, pela segunda vez, como governador do Maranhão neste domingo (1º). A sessão solene aconteceu no plenário Nagib Haickel, na Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), em São Luís.

O vice-governador, Felipe Camarão (PT), foi empossado logo em seguida. A cerimônia foi conduzida pelo presidente da casa, o deputado estadual Othelino Neto (PCdoB).

Em seu primeiro pronunciamento, como governador empossado, Brandão afirmou que a principal bandeira do seu governo será a educação. O governador reforçou que o Estado deve também ampliar os investimentos na infraestrutura, nas áreas sociais e na segurança alimentar.

O Maranhão é o estado com maior número de pessoas vivendo na extrema pobreza, de acordo com o último levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Atualmente, quase 1,5 milhões de maranhenses estão nesta situação, que foi agravada pela pandemia de Covid-19.

Questionado sobre qual política será implementada no governo para o combate à fome, Carlos Brandão disse que deve seguir ampliando a segurança alimentar, com a construção de mais restaurantes populares em todos os 217 municípios do Estado, aliando com os investimentos em educação, renda e trabalho.

O governador reeleito disse, ainda, que está otimista com a parceria que o Maranhão terá com o Governo Federal, por meio do futuro ministro da Justiça e Segurança Pública e ex-governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB) e o presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

“Criamos um programa de segurança alimentar muito forte, não só com a distribuição de cestas básicas mas, também, com a construção dos restaurantes populares e eu vou levar esse programa de segurança alimentar para todos os municípios. Precisamos ter um tripé forte que melhore os nossos indicadores, que são a educação, renda e trabalho. Estou muito otimista que dessa vez teremos um parceiro no governo federal, tanto o governador Flávio Dino que agora será ministro e o presidente Lula, que tem essa sensibilidade e vai governar em parceria com os estados e municípios”, disse Brandão.

Solenidade

Governador do Maranhão, Carlos Brandão, chega a Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), acompanhado da primeira-dama do Estado, Larissa Brandão — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Governador do Maranhão, Carlos Brandão, chega a Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), acompanhado da primeira-dama do Estado, Larissa Brandão — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

O governador Carlos Brandão chegou a Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) por volta das 8h30, acompanhado da primeira-dama do Estado, Larissa Brandão e dos dois filhos do casal. Na chegada, ele foi cumprimentado por parlamentares que o aguardavam na entrada do Palácio Manoel Beckman.

Após o início da sessão solene, foi executado o Hino Nacional Brasileiro. Carlos Brandão fez o juramento constitucional, onde assumiu o compromisso com a população maranhense. Em seguida, ele assinou o termo de posse que foi lido pela deputada Andreia Rezende (PSB), primeira secretária da Mesa.

Logo em seguida, o vice-governador Felipe Camarão foi empossado. Ele também fez o juramento à Constituição Federal, assinou o termo de posse que foi lido pela deputada estadual Cleide Coutinho (PSB), segunda secretária da Mesa.

Carlos Brandão, governador reeleito do Maranhão, assina termo de posse em São Luís (MA) — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Carlos Brandão, governador reeleito do Maranhão, assina termo de posse em São Luís (MA) — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Após o ato, Brandão fez seu primeiro discurso como governador reeleito do Maranhão. O governador disse que o seu governo vai seguir no mesmo rumo e que vai colocar em prática um projeto de desenvolvimento do Maranhão, chamado de ‘Maranhão 2050’, que será financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

“Posso garantir a todos vocês a nossa caminhada seguirá no mesmo rumo. Governarei ouvindo a todos, entendendo as diferenças, respeitando o bem público e estando ao lado da nossa gente. Não teremos um caminho fácil para percorrer, mas estaremos preparados. Tenho uma enorme satisfação de colocar em prática o plano Maranhão 2050, o primeiro projeto de planejamento público financiado no Brasil pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)”, afirmou.

Ao fim da sessão solene, o governador participou de uma solenidade militar na área externa da Assembleia Legislativa.

A cerimônia de recondução de Carlos Brandão ao cargo de governador acontecerá nesta sexta-feira (6), a partir das 16h, no Palácio dos Leões, sede do governo do Maranhão.

WhatsApp