CCCVM: Aviso de Pauta_ Indígenas.BR/Mostra Alberto Álvares_12 abril, 19h

A Mostra Alberto Álvares (Guarani Nhandeva /MS) apresenta dois curtas que retratam a infância e adolescência de seu povo e o longa metragem Guardiões da Memória, um retrato etnográfico do cotidiano de cinco aldeias da etnia Guarani no Rio de Janeiro, revelando os rituais, rezas, a espiritualidade e as tradições que circulam entre eles. Alberto também é fotógrafo, trabalha no Laboratório do Filme Etnográfico, da Universidade Federal Fluminense (UFF) e no Observatório da Educação Escolar Indígena da UFMG, onde está concluindo a Licenciatura Intercultural para Educadores Indígenas. O cineasta Alberto Álvares, que tem participado de diversos festivais internacionais destaca a importância da troca com o público e com os indígenas de outros povos: “Estou muito feliz com o convite. É um momento de troca de conhecimentos, de apresentar as belas imagens e palavras dos Guaranis. Vou poder conhecer nossos parentes aí no Maranhão. Vai ser muito rico este encontro. Convido a todos a conhecer a nossa produção! Como fazemos a caminhada entre esses dois mundos, o indígena e o não indígena. Por que a gente sai da aldeia, mas leva nossas histórias, nosso modo de viver, e ao mesmo tempo se adapta também ao modo não indígena”. Alberto Álvares é fotógrafo, cineasta, ator, professor e tradutor da etnia Guarani Nhandeva (MS). Realiza documentários que giram em torno das questões indígenas e trabalha na formação de novos profissionais, para que mais indígenas documentem, filmem e registrem sua própria história. Atualmente trabalha no Laboratório do Filme Etnográfico, da Universidade Federal Fluminense (UFF), no Museu do Índio/Funai, e no Observatório da Educação Escolar Indígena – FAE/ UFMG, onde está concluindo a Licenciatura Intercultural para Educadores Indígenas. Filmografia: A Lágrima do Diamante (2018), Tekoha Ha’e Tetã – Aldeia e Cidade (2018), Tembiapo Regua (2017), A Dança Sagrada (2017), Terra (2016), Nhema’en Tenondere – Além do Olhar (2016), Yvy Ayvu – Vozes da Terra (2016), O Pé na Aldeia e Outro no Mundo (2016), A Procura de Aratu (2015), Randu Nhembo’e – Em busca do saber (2013). indígenas.BR – Mostra Alberto Álvares (Dur.: 83 min.) Tekoha Ha’e Tetã – Aldeia e Cidade 17 min. Sinopse: O curta narra a vida do Wera Kuaray em busca de um novo caminho entre dois mundos. Arandu Nhembo’e – Em Busca do Saber, 17 min. Sinopse: O documentário acompanha a busca dos joves pelo nhandereko (modo de vida Guarai) na aldeia Yynn Moriti Werá – Terra Indígena de Biguaçu (SC). Os jovens dessa aldeia estão sempre em busca do conhecimento verdadeiro dos mais velhos. O filme mostra a preparação de um destes rapazes para a cerimônia da busca da visão. Guardiões da Memória (2018) Dur.: 55 min. Sinopse: O filme foi realizado em cinco aldeias Guarani no Estado Rio de Janeiro. Mostra como os mais velhos e lideranças fazem circular o conhecimento e a memória dos Tekoa, através de rezas, narrativas e belas palavras. Toda a programação tem entrada gratuita e classificação livre. Escolas e grupos podem agendar a participação pelo e-mail: agendamento@ccv-ma.org.br ou pelo telefone 3232 6363.

2 thoughts on “CCCVM: Aviso de Pauta_ Indígenas.BR/Mostra Alberto Álvares_12 abril, 19h

  1. Pingback: live milf porn

Comments are closed.

Valmir Arajúo