Estudo descobre como eliminar HIV do corpo e abre caminho para a cura

Um grupo de cientistas da Universidade da Carolina do Norte e da Universidade Emory, nos Estados Unidos, descobriu como expulsar o HIV das células, permitindo que o sistema imune ou até mesmo medicamentos o encontrem e o destrua. O estudo foi feito em camundongos e macacos infectados e publicado na revista científica Nature.

Mais pesquisas são necessárias antes que os testes possam começar em humanos, mas este trabalho é considerado um passo significativo para o desenvolvimento de terapias curativas e eliminação do vírus do corpo.

Crédito: ClaudioVentrella/istockCom a atual terapia anti-retroviral, o HIV continua escondido na células

Hoje, a terapia anti-retroviral usada em tratamentos não é capaz de eliminar o vírus do corpo. Mesmo quando os pacientes com HIV conseguem suprimir o HIV em níveis indetectáveis no sangue, o vírus segue lá em células do sistema imune chamadas linfócitos T CD4+. Quando a terapia anti-retroviral é interrompida, a carga viral aumenta no sangue. É por isso que a terapia antirretroviral precisa ser feita continuamente.

Como o experimento foi feito?

A pesquisa foi feita com camundongos infectados com HIV, que faziam uso da terapia anti-retroviral, e também com macacos rhesus, infectados com vírus da imunodeficiência símia (SIV), equivalente ao HIV humano.

Tanto nos macacos quanto nos roedores, a estratégia de retirar o HIV de seu esconderijo para depois matá-los funcionou. Os pesquisadores manifestam esperança de que essa tática possa se tornar um tratamento possível em humanos.

HIV no Brasil e no mundo

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 37,9 milhões de pessoas vivem com o HIV em todo o mundo. Só no Brasil, são cerca de 900 mil pessoas diagnosticadas. Também há estimativa de que 135 mil brasileiros têm o vírus, mas ainda não sabem.

O boletim epidemiológico 2019, do Ministério da Saúde, aponta que a infecção por HIV/AIDS cresce mais entre os jovens, principalmente aqueles com idades entre 20 a 34 anos, faixa etária que representa 52,7% dos casos.

Apesar de ainda não haver cura para o HIV, existem remédios que reduzem bastante sua progressão. Eles são chamados de coquetéis antirretrovirais e são responsáveis pela queda no número de mortes em decorrência da infecção em todo o mundo.

Prevenção

Para se prevenir a infecção por HIV, é necessário o uso correto de camisinha em todas as relações sexuais. O SUS disponibiliza preservativos masculinos e femininos nas unidades de saúde do país.

TOPBZZ

2 thoughts on “Estudo descobre como eliminar HIV do corpo e abre caminho para a cura

  1. Pingback: Azure Devops

Comments are closed.

Valmir Arajúo