. . Falta de medicamento para o tratamento de câncer preocupa pacientes no Maranhão – Portal Hora 1 News Maranhão

Falta de medicamento para o tratamento de câncer preocupa pacientes no Maranhão

Pacientes com câncer reclamam da falta de medicamento para o tratamento da doença na rede estadual de saúde do Maranhão. A aposentada Maria Francisca Abreu é uma das prejudicadas. Ela descobriu um câncer em 2014, perdeu a mama esquerda e ainda precisou fazer quimioterapia e radioterapia após apresentar um quadro de metástase óssea, quando as células cancerígenas se espalham para outras partes do corpo.

A cada 21 dias Maria Francisca precisa receber na veia a aplicação do medicamento comercialmente conhecido como Herceptin, à base de trastuzumabe. No entanto, desde o último dia 12 ela soube da falta do medicamento no Hospital Dr. Tarquínio Lopes Filho, em São Luís.
Maria Francisca também disse que o intervalo entre as aplicações deveria ser de 21 dias, mas já são 34. O medicamento custa a partir de 10 mil reais.

“Ele é como se fosse uma vacina que evita que a célula maligna penetre no nosso organismo. A preocupação não é só minha. São mais de mil pessoas que estão sem e isso é um absurdo. Não concordo, não só por mim”, contou Maria.

G1